Breaking News
Loading...
Thursday, 12 July 2012



Três filmes portugueses, de João Pedro Rodrigues, João Guerra da Mata, João Nicolau e Gabriel Abrantes, competirão no Festival de Cinema de Locarno, em agosto, na Suíça, certame que prestará ainda homenagem ao «Curtas» de Vila do Conde, escreve a agência Lusa.
A 65ª edição do festival decorrerá de 1 a 11 de agosto e a programação foi anunciada esta quarta-feira.
A longa-metragem «A Última Vez Que Vi Macau», de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, foi selecionada para a competição internacional pelo prémio Leonardo de Ouro, e passará em estreia mundial.
Na secção «Pardi di domani» foram incluídos na competição internacional as curtas-metragens «O Que Arde Cura», outro filme de João Rui Guerra da Mata, e «Zwazo», de Gabriel Abrantes. Este filme de Gabriel Abrantes terá estreia na quinta-feira no festival de curtas-metragens de Vila do Conde.
O festival, que está a celebrar 20 anos, será homenageado precisamente em Locarno por causa do 20º aniversário com a exibição de quatro filmes. São eles «Land of My Dreams», de Yann Gonzalez, «O Canto do Rocha», de Helvécio Marins Jr., «O Milagre de Santo António», de Sergei Loznitsa, todos eles feitos por encomenda de Vila do Conde, e «Reconversão», de Thom Andersen, sobre a obra do arquiteto Eduardo Souto de Moura.
A curta-metragem «O Dom das Lágrimas», novo filme do realizador João Nicolau, encomendado por Guimarães, Capital Europeia da Cultura, foi selecionado para a secção «Corti di autori». A atriz Ana Moreira foi convidada para integrar o júri da competição de «realizadores do presente».

0 comments:

Post a Comment